Após ‘atritos’ com Paulo Sousa, Diego Alves estaria fora dos planos do Flamengo

O Flamengo definiu sua prioridade no mercado da bola e seus próximos passos serão mesmo para confirmar a contratação de um goleiro. Com isso, se abriu o questionamento sobre a situação de Diego Alves no clube, já que o veterano de 36 anos é o dono da meta desde 2017.

Porém, segundo o Globoesporte.com, a passagem de Diego Alves pelo clube deve estar perto do fim. Isso porque Paulo Sousa e sua comissão técnica tiraram o arqueiro dos planos e ele não deve jogar. Para piorar, ele teria entrado em conflito com o técnico português e com seu preparador de goleiros, Paulo Grilo.

Diego Alves não conseguiu se firmar e perdeu a vaga de titular no começo do ano para seu antigo reserva, Hugo Souza. Além disso, seu problema com a comissão técnica fez com que a diretoria percebesse que a chegada de um goleiro com experiência é fundamental para a sequência do trabalho de Paulo Sousa no Flamengo.

Vale lembrar que o nome favorito é o do goleiro Santos, do Athletico Paranaense, que está com a seleção brasileira na disputa das Eliminatórias, e que deve definir seu futuro nos próximos dias. O Flamengo quer pagar 2,5 milhões de euros pelo arqueiro, mas o Athletico quer pagamento maior.

O goleiro de 36 anos começou na base do Botafogo-SP, mas em 2004 foi para o Atlético-MG, onde estreou como profissional em 2005. Se tornou titular em 2006 e se manteve até o ano seguinte, quando saiu para o Almería, da Espanha. Fez carreira no clube e saiu em 2011 para o Valencia, onde chegou para ser titular e ficou até 2017, quando voltou ao Brasil para defender o Flamengo. Foi bicampeão brasileiro pelo clube, além de bicampeão da Supercopa do Brasil, campeão da Copa Libertadores e da Recopa Sul-Americana.