Athletico-PR x Flamengo: Confusão total do sorteio da Copa do Brasil ‘ferra’ o mengão e beneficia o Fluminense, entenda

Nesta terça-feira (19), a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) sorteou os confrontos das quartas de final da Copa do Brasil 2022.

Um dos duelos de destaque será entre Flamengo e Athletico-PR, que voltam a se enfrentar depois de embates em 2019 e 2021.

A definição desse jogo, entretanto, gerou muitas reclamações entre flamenguistas nas redes sociais, devido a uma “inversão” ocorrida entre as equipes.

Durante o tal sorteio, a maldit@ da bolinha do Athletico-PR foi tirada antes da do Fla. Com isso, os paranaenses deveriam ter ficado no topo da chave, o que significa que, na teoria, fariam o confronto de ida na Arena da Baixada.

No entanto, após a pausa feita pela CBF antes do sorteio dos mandos de campo, houve uma inversão no painel sem aviso prévio: o Flamengo passou a aparecer em cima, e o Athletico foi para baixo. Dessa forma, o primeiro jogo passou para o Maracanã.

Segundo apurou a repórter Roberta Barroso, da ESPN, com fontes da CBF, isso aconteceu porque times da mesma cidade (no caso, Flamengo e Fluminense) têm que ter o mando invertido, o que já é padrão na competição.

Explica-se: a mudança de posições entre Furacão e Fla aconteceu porque haverá outro jogo no Rio de Janeiro: Fluminense x Fortaleza. Como não pode haver duas partidas no Maracanã no mesmo dia, uma alteração teve que ser feita com o clube da Gávea, que foi a última bolinha sorteada em todo o processo.

Na sequência, foi feito o sorteio dos mandos, com bolinhas pares e ímpares. Se um número ímpar fosse pego, a ordem da tela seria mantida (Flu decidindo no Maracanã, Flamengo na Arena da Baixada); se fosse par, o mando seria invertido (Flu decidiria em Fortaleza, Flamengo no Maracanã).

Como a bola pescada foi ímpar, a ordem estabelecida foi mantida; o Tricolor jogará a volta no Maracanã, enquanto o Fla atuará na Arena da Baixada.

Em nota oficial (leia completa abaixo), a CBF salientou que tudo foi feito dentro do “procedimento padrão”.

Vale lembrar que, ao contrário das fases anteriores, não há mais sorteios de jogos na Copa do Brasil daqui em diante. Ou seja: as chaves estão formadas.

Na chave 1, quem passar de Atlético-GO x Corinthians pega o ganhador de Fortaleza x Fluminense.

Já na chave 2, quem triunfar em São Paulo x América-MG encara o vitorioso entre Fla e Athletico-PR.

A competição terminará no dia 19 de outubro, e o grande campeão, além de um ótimo prêmio em dinheiro, ganha também uma vaga na próxima Conmebol Libertadores.