Calleri compara Corinthians ao Flamengo e ainda vai além: ‘Melhores Jogadores do Brasil’

O Boca Juniors terá uma difícil missão na próxima terça-feira (26). Às 21h30, com transmissão pela ESPN no Star+, os argentinos encaram o Corinthians, na Neo Química Arena, pela 3ª rodada da fase de grupos da Conmebol Libertadores. E um ex-jogador xeneize faz alertas ao clube da Bombonera.

Em entrevista à ESPN Argentina, Jonathan Calleri, que hoje defende o São Paulo, exaltou as estrelas que compõem o elenco corintiano e mandou um recado ao Boca Juniors sobre a dificuldade que é jogador em Itaquera.

“O Boca enfrenta um clube com um técnico que está em plena construção, que tem incríveis individualidades, como disse, como Renato Augusto e Paulinho, que são dois jogadores que jogaram na seleção. Tem Willian, que é um dos jogadores mais desequilibrantes do Brasil. E tem Róger Guedes, que também é um dos melhores jogadores do Brasil”, começou por afirmar, antes de destacar que acredita em um confronto aberto.

“Acredito que será uma partida difícil em Itaquera. São muito fortes, a torcida pressiona bastante. Acredito que o Boca pode bater de frente. O Corinthians é uma equipe que sabe sofrer, como o Boca. No ataque, o Boca tem tudo de melhor e não tem o que reclamar”, completou, antes de colocar o Corinthians como um dos melhores times do Brasil.

“Têm equipes muito fortes como Flamengo, Atlético-MG, Palmeiras(no Brasil)”, finalizou.

Revelado pelo All Boys, Calleri chegou ao Boca Juniors em 2015. Ao todo, foram 59 jogos pelo clube da Bombonera na temporada e 23 gols marcados, o que despertou o interesse do São Paulo. Em 2016, na primeira passagem, marcou 16 gols em 31 jogos.