Clube árabe quer ‘dar chapéu’ no Flamengo com salário de R$ 3 milhões por Vidal

Informações publicadas pelo jornal La Tercera indicam que o Al Rayyan, do Catar, teria oferecido uma proposta milionária para ter Arturo Vidal como reforço. O chileno é especulado no Flamengo, clube com o qual possui grande apreço e que pode ver as negociações sendo atravessadas pelos árabes.

A fonte indica que o Al Rayyan pretende oferecer salários de oito milhões de dólares por ano, o equivalente a 39 milhões de reais(mais de 3 milhões por mês) na atual cotação de mercado, para ter Arturo Vidal por duas temporadas. A ideia do clube é aproveitar a exposição com a Copa do Mundo sediada no país para aumentar a sua visibilidade no cenário internacional. Cabe ressaltar que os árabes já contam com o astro colombiano James Rodríguez em seu plantel.

Aos 35 anos, Arturo Vidal ainda tem vínculo com a Internazionale (Itália) até meados de 2023. Todavia, o meia não seguirá na equipe italiana, a qual exercerá o pagamento da multa rescisória, fixada em 4,5 milhões de dólares, o equivalente a 22 milhões de reais.

Paralelamente, o chileno é especulado no futebol brasileiro, sobretudo pelo desejo pessoal em vestir a camisa do Flamengo, de quem é torcedor assumido. Em recentes declarações, o vice-presidente de futebol, Marcos Braz, afirmou que Arturo Vidal não é prioridade, embora tenha confessado que o time da Gávea já procurou informações referentes ao meia. O propósito de vida do atleta é encerrar a carreira na América do Sul, o que pode pesar favoravelmente ao Mais Querido.