Flamengo anuncia a rescisão do contrato com defensor que vinha sendo criticado

O Flamengo anunciou na tarde desta terça-feira (21) a rescisão do contrato com o zagueiro Maurício Isla. O jogador deixa o Mais Querido para retornar ao seu país natal, onde defenderá as cores da Universidad Católica (Chile), clube no qual foi revelado nas categorias de base. “O clube agradece ao atleta pelos serviços prestados e deseja sucesso no prosseguimento de sua carreira”, diz um dos trechos da nota.

Pelo Mais Querido, Maurício Isla esteve em campo no decorrer de 83 partidas oficiais, nas quais anotou quatro gols, além de ter contribuído com 12 assistências. O chileno fez parte do elenco que conquistou títulos como o Campeonato Brasileiro de 2020, a Supercopa do Brasil de 2021 e o Campeonato Carioca do mesmo ano.

O chileno foi contratado pela diretoria do Flamengo em agosto de 2020. À época, Rafinha, então campeão da Libertadores com o Mais Querido, havia acertado o seu retorno à Europa, onde passou a defender as cores do Olympiacos. Desde que chegou ao Rio de Janeiro, Isla viveu altos e baixos, além de ser constantemente convocado para a Seleção do seu país.

Com a saída de Maurício Isla, o Flamengo passa a ter apenas duas opções para a lateral-direito. No momento, o titular escolhido por Dorival Júnior é Matheuzinho, cria das categorias de base do Rubro-Negro, ao passo que Rodinei desponta como reserva imediato. Rumores que circulam pela imprensa esportiva indicam que o clube estaria à procura de uma terceira opção no mercado internacional da bola.