Flamengo corre risco de perder zagueiro de 18 anos de graça, para time do Ronaldo Fenômeno

Ao longo dos últimos cinco anos, o Flamengo foi um dos clubes do Brasil que melhor vendeu as suas crias da base. Por valores astronômicos, Lucas Paquetá, Reinier e Vinicius Júnior renderam ao Fla mais de 400 milhões. Além disso, outros nomes acabam quase nem jogando no profissional e sendo negociados, como foi o caso mais recente do atacante Bill, vendido ao Dnipro-UCR após ter entrado em campo apenas 12 vezes.

Sendo assim, os clubes de todas as partes do mundo ficam de olho nos contratos dos atletas da base, que muitas vezes terminam antes mesmo deles estrearem. O caso mais recente é o do zagueiro João Pedro, de apenas 18 anos de idade. Com o contrato se encerrando agora na metade de 2022, ele já pode assinar um pré-contrato com qualquer equipe do mundo.

Dessa maneira, o jovem jogador do Flamengo recebeu uma proposta para defender as cores do Valladolid-ESP, clube que alterna a disputa da primeira e da segunda divisão espanhola e é gerenciado por Ronaldo Fenômeno. Como a ideia dos espanhóis é contar com o jogador de imediato, existe a possibilidade de João Pedro sair de graça agora e o Flamengo ficar com 50% dos direitos econômicos do jogador, pensando em uma venda futura.

Flamengo e as saídas

Dito isso, sabe-se que o Flamengo pouco tem se movimentado no mercado da bola neste ano. Desde a chegada de Paulo Sousa, o elenco do Mais Querido só sofreu baixas, a principal delas a de Kenedy, que retornou para o Chelsea-ING. Se esperava que Michael também saísse e fosse para o Al Hilal, da Arábia Saudita, mas a negociação está se arrastando e ficando cada vez mais distante de ser concretizada.

Vale ressaltar que, segundo a informação do jornal ‘O Dia’, João Pedro e o Flamengo devem aceitar esse modelo de negócio e o zagueiro deve ser mais um a sair antes mesmo de jogar com os profissionais. Atualmente, o Valladolid disputa a segunda divisão e aparece na terceira colocação da tabela.