Flamengo recusa proposta ”astronômica” por reserva de luxo e vê outros clubes europeus interessados, multa é de $325 milhões

Em meio aos jogadores revelados nas últimas temporadas, Ramon é considerado uma das principais joias recentes das categorias de base do Flamengo. O lateral esquerdo, contudo, não tem recebido muitas oportunidades nos profissionais. Por isso, o Porto, de Portugal, fizera proposta pelo atleta, que foi recusada pelos dirigentes do Rubro-Negro.

O intuito do Porto era de contar com Ramon por empréstimo até julho de 2022, pagando 200 mil euros (R$ 1,2 milhões, pela cotação atual) como compensação financeira. Contudo, os dirigentes do Flamengo sequer quiseram levar adiante a negociação, pois, por estes moldes, não há conversa. A informação foi publicada primeiramente pelo portal Torcedores.

O Flamengo, no entanto, já está ciente de que há clubes da Espanha e da França com interesse na joia. Entretanto, estes já foram avisados que só haverá conversa caso façam ofertas de compra definitiva. O Porto, é bom frisar, queria colocar em contrato a ‘opção de compra‘, estipulada em 6 milhões de euros (R$ 36,8 milhões na cotação atual) por 80% dos direitos econômicos do atleta.

Os empresários de Ramon passam a analisar ofertas de outros clubes europeus pelo lateral esquerdo, sabendo o que é necessário para abrir negociação com o Flamengo. Com 20 anos, o jogador espera por maiores oportunidades no profissional do Rubro-Negro, onde atuou em 26 jogos com o Manto Sagrado, até então.

Outros times como Roma e Bragantino teriam interesse no atleta,lembrando que a multa é de $50 milhões de euros(mais de 320 milhões na atual cotação)