Flamengo vê insatisfação de reserva e Braz aceita vendê-lo por R$ 26 milhões; nome ‘vaza’ na web e agita torcida

Nos bastidores, a diretoria flamenguista tem debatido sobre o futuro do goleiro Hugo Souza. O jovem teve uma ascensão na temporada passada quando Diego Alves estava machucado, virou rapidamente xodó da torcida e era cogitado até para a seleção brasileira. No entanto, o arqueiro falhou em alguns momentos decisivos e perdeu bastante prestígio.

Hoje, Hugo é a terceira opção na posição e a situação pode piorar, já que César se recuperou de lesão e é mais bem avaliado pela comissão técnica de Renato Gaúcho. Os representantes do atleta buscam ofertas no mercado e a cúpula do Mais Querido topa negociá-lo e já definiu valor para fazer negócio.

Na avaliação dos dirigentes, o goleiro vale algo em torno de 4 milhões de euros (praticamente R$ 26 milhões). Se uma proposta desse patamar aparecer, o Mengão vai dizer “sim” e não pretende fazer mais nenhum tipo de exigência nas tratativas. Os agentes do jovem sabem da posição flamenguista e aguardam procura de times interessados no jogador.

O arqueiro tem contrato até dezembro de 2025, mas pelo andar da carruagem, dificilmente cumprirá o vínculo até o final no Ninho do Urubu. Renato deixa a decisão sobre o futuro da joia nas mãos da diretoria do Fla.