Hugo falhou, mas o erro de Isla aos 43 do segundo foi crucial para levarmos o gol do Fluminense

Na tarde do último domingo (06), o Flamengo saiu derrotado do clássico diante do Fluminense por 1 a 0. O gol foi marcado por John Arias aos 44 do segundo tempo, contando com falhas de Isla e Hugo Souza no lance. Contudo, por mais que o arqueiro também tenha vacilado, a Nação pegou mesmo foi no pé do chileno.

Após grande atuação pela seleção chilena na última ‘Data Fifa’, o lateral direito foi reserva na tarde de ontem. Entretanto, não foi Matheuzinho que jogou, e sim Rodinei. Mesmo vivendo de enormes altos e baixos com a camisa rubro-negra, Paulo Sousa optou por “Rodi” de início.

Vale lembrar que Isla só foi requisitado para entrar em campo aos 38 minutos do segundo tempo. Com as expulsões de Vitinho e de Calegari, os dois times ficaram mais desgastados e Paulo Sousa colocou pulmões novos no gramado. Contudo, mesmo com menos de dez minutos na cancha, o lateral tomou uma bola nas costas e viu o colombiano do Fluminense garantir a vitória para o Tricolor das Laranjeiras.

Isla no Flamengo

Em se tratando especificamente do chileno Maurício Isla, a relação nunca foi de extremo amor. Ele chegou em 2020 para substituir o então ídolo Rafinha. Chegou e logo foi campeão brasileiro, mas teve um 2021 irregular e viu Matheuzinho ganhar bastante espaço em 2021. Além disso, pelo visto Rodinei entrou de vez na briga pela posição e também passa a ameaçá-lo.