Manchester responde Palmeiras sobre interesse em comprar Andreas Pereira

A diretoria do Flamengo não deve exercer a opção de compra de Andreas Pereira. O contrato de empréstimo do jogador chega ao fim em meados de 2022 e, para que pudesse permanecer na Gávea, o Mais Querido deveria fazer o investimento de 10,5 milhões de euros. O erro cometido na final da Libertadores, que custou o título para o Palmeiras, e a queda de desempenho dentro de campo foram os motivos preponderantes.

De olho na situação, o Palmeiras, da presidente Leila Pereira, entrou em contato com o Manchester United, detentor dos direitos econômicos do jogador, com o intuito de compreender a situação do atleta, bem como obter informações relativas à possibilidade de um negócio.

Informações publicadas pelo jornalista Jorge Nicola indicam que a resposta dos ingleses não é satisfatória. O técnico Erik Ten Hag, que acaba de chegar à cidade de Manchester, quer avaliar o futebol de Andreas Pereira antes de definir sobre a sua liberação para um novo empréstimo ou venda. Por essa razão, o jogador é esperado na reapresentação que acontece no segundo trimestre do ano, dando início à pré-temporada do futebol europeu.

“Então, pelo momento atual, a resposta é que Andreas Pereira não será contratado pelo Palmeiras”, completou a referida fonte.

Atuando por empréstimo no Flamengo até o meio do ano, Andreas Pereira está na lista de relacionados para o jogo contra o Talleres, que acontece nesta quarta-feira (04), válido pela quarta rodada da fase de grupos da Taça Libertadores da América.