Mulher de Diego Ribas chama torcida do Flamengo de ‘geração Google’ e cobra reconhecimento

Desde a chegada do técnico português Paulo Sousa, o camisa 10 Diego Ribas não conta com grandes oportunidades no elenco. Neste instante, é reserva no grupo, apesar de exercer cargo de comando nos bastidores dos vestiários. Por ocupar tal posto, é comumente lembrado pelos torcedores nos momentos das críticas, sobretudo quando os resultados não aparecem dentro de campo, a exemplo do ocorrido com o título do Estadual perdido para o arquirrival Fluminense.

Depois de muitos ataques endereçados ao marido nas redes sociais, Bruna Letícia, esposa de Diego Ribas, usou seus perfis para se manifestar. Inicialmente, elogiou a gestão sob o controle do presidente Rodolfo Landim, enaltecendo o Flamengo e colocando-o no mais elevado patamar do futebol brasileiro. Além disso, cobrou dos torcedores valorização pelos títulos conquistados nos últimos anos, a exemplo do Brasileirão de 2020.

Conforme esperado, Bruna Letícia foi detonada pelos rubro-negros, os quais seguem impacientes com os resultados da equipe, que chegou ao seu quinto vice-campeonato consecutivo. Depois de receber muitos comentários negativos, a esposa de Diego Ribas provocou polêmica ainda maior ao chamar os rubro-negros de “geração Google”.

“Time a ser batido já não é mais, há muito tempo”, escreveu uma torcedora. “Quanto tempo? 1 ou 2 anos? Realmente a Geração Google está muito impaciente”, rebateu a esposa de Diego Ribas, desencadeando um contexto ainda maior de insatisfação por parte dos rubro-negros. Com contrato próximo do fim, a depender dos torcedores, o camisa 10 não renovará com o clube da Gávea.